Pensar Unidades de Conservação – UC no Brasil nos obriga a fazer um retrospecto histórico aos primeiros ensaios idealizados de UC’s. A primeira UC do mundo foi nos Estados Unidos da América, o Parque Natural de Yellowstone em meados do século de XIX. A necessidade e demanda da criação de UC’s se deu pelo ápice da revolução industrial, os Estados Unidos passavam por um período de sobreexplotação da natureza de forma predatória e desordenada. Este Parque foi idealizado e estabelecido na segunda metade do século XIX e as perspectivas norteadoras de suas regras/normas de estabelecimento e uso eram preservacionistas. Nesse sentido, vale elucidar as diferentes perspectivas acadêmicas que norteiam as UC’s, estas são o preservacionismo e conservacionismo.
   O preservacionismo parte da premissa da natureza como algo selvagem e intocado pelo ser humano, ou seja, o ser humano não faz parte da mesma como um agente ecológico. Para instituir UC’s preservacionistas, são levadas em consideração pontos como a não interferência humana no meio ambiente, preservar ambientes de valor ecológico, valorizar a contemplação da natureza pelo ser humano e desenvolvimento de pesquisas no ambiente protegido.
   Já a perspectiva conservacionista enxerga o meio ambiente como um ecossistema que dispõe de uma dinâmica própria e de equilíbrio ecológico. Ou seja, o ser humano é considerado como um agente ecológico que compõe a natureza e faz parte da mesma. Nesse sentido, as UC’s conservacionistas permitem a presença humana em seu território e ainda valorizam as mesmas pelos seus saberes tradicionais. A criação de UC’s de caráter conservacionista vislumbram resguardar populações historicamente instaladas em territórios, estabelecendo uma política pública que proporciona a valorização das populações tradicionais e sua relação específica com o meio ambiente. As UC’s de caráter conservacionistas são as Reservas de Desenvolvimento Sustentável e Reservas Extrativistas.
   O ordenamento jurídico brasileiro também adotou essa divisão de correntes, por meio da lei 9.985, de 18 de julho de 2000, que institui o Sistema Nacional de Unidades de Conservação (SNUC). Assim, são criadas as UC´s de proteção integral (filiadas ao movimento preservacionistas) e as UC´s de uso sustentável (filiadas ao movimento conservacionsitas). As UC’s de proteção integral são: Estação Ecológica, Reserva Biológica, Parque Nacional, Monumento Natural, Refúgio da Vida Silvestre. As UC´s de uso sustentável são: Área de Proteção Integral, Área de relecante interesse ecológico, Floresta Nacional, Reserva Extrativista, Reserva de Fauna, Reserva de Desenvolvimento Sustentável e Reserva Extrativista.
Este projeto trabalha com a UC Reserva Extrativista Marinha e a premissa norteadora é a conservacionista.